fbpx

S. H. Comunicação – Seu evento científico está aqui

Evento do Neabi abre inscrições para propostas de oficinas e minicursos

Inscrições estarão abertas até o dia 10 de novembro. Evento terá como tema lutas e resistência das minorias a partir do olhar sobre a Balaiada.

Por: Assessoria de Comunicação - IFMA

No período de 09 a 11 de dezembro, o Instituto Federal do Maranhão (IFMA) vai realizar o Encontro Estadual do Núcleo de Estudos Afrobrasileiros e Indiodescendentes (Neabi), que abrange o X Seminário de Encerramento do Mês da Consciência Negra do Neabi/IFMA e a IV Mostra de Pesquisa do Neabi/IFMA. Com o tema (Re)existências, lutas e diversidades: diálogos ontem e hoje, o evento propõe a Balaiada como fio condutor de um debate atual sobre raça, gênero, classe, desenvolvimento sustentável e meio ambiente, que se faz necessário e urgente, pensando as múltiplas estratégias de (re)existências de diferentes grupos sociais (negros, quilombolas, indígenas, mulheres, camponeses, homossexuais, etc.) em diferentes espaços de atuação (no cotidiano das comunidades, no campo e na cidade, na arte, na literatura, na música, na poesia, etc.).

Em razão da pandemia de Covid-19, o evento será realizado virtualmente e terá como sede o Campus Coelho Neto. O município de Coelho Neto se localiza no leste do Estado do Maranhão, a 100 km da cidade de Caxias. No imaginário da região, um dos movimentos contestatórios mais significativos da história do Maranhão, a Balaiada, também conhecida como Guerra dos bem-te-vis, tem uma importância significativa, por ter sido um dos palcos do movimento. Em dezembro de 2020, data de realização do evento, a Balaiada completa 182 anos. “Fazemos referência à Balaiada pensando nas diversas estratégias de (re)existências de diferentes grupos sociais que, mais do que nunca, precisam resistir em meio a um projeto político da atual conjuntura que vivemos, que se responsabiliza cotidianamente ao desmonte de todas as conquistas sociais e políticas no campo da cidadania no país. Sabemos que essas conquistas são oficialmente recentes na nossa história, mas são fruto de muitas, mas muitas lutas de grupos que são historicamente massacrados pelas elites políticas, econômicas e irresponsáveis desse país!”, destaca a professora Leide Ana Caldas, integrante da Comissão Organizadora do encontro.

O evento também se apresenta como um espaço de divulgação dos trabalhos desenvolvidos pelos Núcleos de Estudos Afrobrasileiros e Indígenas (Neabi), que têm como finalidade o desenvolvimento da pesquisa voltada, sobretudo, para as questões étnico-raciais no Ensino Médio, na Graduação, na Pós-graduação e na extensão, de forma indissociável.

Propostas de oficinas e minicursos

A comunidade em geral pode inscrever propostas de oficinas, minicursos e simpósios temáticos até o dia 10 de novembro. As inscrições são gratuitas e estão sendo realizadas no site do evento. Num segundo momento, serão abertas as inscrições para apresentação oral e ouvinte, bem como o período para os participantes se inscreverem nas oficinas e minicursos.

A Comissão Organizadora está realizando um concurso cultural no Campus Coelho Neto para escolha da identidade visual do evento voltado para os discentes da unidade. Os interessados podem se inscrever até o dia 13 de novembro.

Tutorial para inscrições nas atividades do evento

1 – Fazer sua inscrição individual no evento via plataforma Doity;

2 – Depois de confirmada sua inscrição individual, clique em “Submissão de trabalho“;

3 – Escolha a opção de interesse:

a) Concurso de Identidade Visual;

b) Proposta de oficina;

c) Proposta de Simpósio Temático (ST);

d) Proposta de Minicurso.

4 – Submeta o que é necessário para a modalidade escolhida (veja o regulamento e template de cada um) e clique em “Submeter Trabalho“.